2leep.com

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Responsabilidade Social


INTRODUÇÃO
Com o agravamento dos problemas ambientais e sociais, resultado da exploração dasorganizações e da concentração da renda mundial nas mãos de poucos,a responsabilidade social é uma temática que está em constante debate. Deste modo, além da demanda da sociedade por organizações que atuem de forma sustentável, os clientes estão se tornando mais exigentes, sendo que “as organizações que tomarem decisões estratégicas integradas à questão ambiental e ecológica conseguirão significativas vantagens competitivas (...)”
Neste contexto, parte das empresas passou a adotar ações baseadas em estratégias relacionadas à responsabilidade social. Para Formentini (2003) a responsabilidade social pode ser definida como uma nova filosofia na gestão de negócios da empresa e como um novo modo de conceber as relações entre os fatores de produção, surgindo também uma nova concepção de empresa e de seu papel na sociedade.
Deste modo, com a adoção das práticas relacionadas à responsabilidade social algumas organizações precisaram adequar suas estruturas a estas práticas, tornando-se necessário a
contratação/capacitação de profissões com competências nesta área, criando um setor ou departamento que trate especificamente desta questão. No entanto, esta pesquisa tem como foco principal o profissional de secretariado sendo norteada pelas seguintes questões: qual o
impacto da adoção da responsabilidade social pelas organizações para o profissional de secretariado?; e, quais as competências demandadas do secretário neste novo contexto?
Buscando responder às questões anteriores o objetivo geral do trabalho é identificar e analisar as principais competências demandadas do profissional de secretariado no novo SEGeT – Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia contexto da responsabilidade social. Este estudo se mostra oportuno pelo fato da Responsabilidade Social estar sendo amplamente discutida e propagada pelas empresas, entidades, meios de comunicação, enfim, pela sociedade, e, o secretário não pode estar alheio a isto. Se precisar trabalhar nestas organizações o secretario precisa compreender que além da necessidade de ter conhecimentos técnicos de sua área, cursos extracurriculares, e o domínio de uma segunda língua, necessitará de outras competências para executar atividades relacionadas à responsabilidade social.
Trata-se de um estudo de caso qualitativo que analisa a relação das secretárias com o
desenvolvimento de projetos sociais vivenciado em uma empresa que proclama ter em seus
valores e propósitos a responsabilidade social, especificamente, a Companhia Elétrica de
Pernambuco (CELPE). A CELPE foi escolhida como o caso do estudo pelo fato de ter
conquistado pela terceira vez consecutiva o titulo de Empresa-Modelo em Responsabilidade
Social do Guia EXAME de Boa Cidadania Corporativa 2006, uma publicação anual da
Revista EXAME (CELPE, 2006).

0 comentários:

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Top WordPress Themes