2leep.com

sexta-feira, 11 de maio de 2012

O conceito de cultura

       O conceito de cultura em geral situa-se num campo muito extenso de definições, mas isso não constitui uma imprecisão conceitual. A cultura traz em si mesma conceituação ampla, plural e mutante ao longo da história. E como bem aponta Faria (2003), é bom que seja assim, um conceito amplo demais, para não se correr o risco de restrição do campo cultural e sua força vital. Ao historiar o conceito de cultura e o seu novo significado com as inovações pós Revolução Industrial, Raymond Williams aponta de forma precisa as “hostilidades” e “embaraços” que o termo provoca.
       Cabe, em verdade, dizer que as questões ora implicadas nos significados da palavra cultura são questões diretamente surgidas das grandes transformações históricas que, à sua maneira, se traduzem nas alterações sofridas pelas palavras indústria, democracia e classe, e são de perto acompanhadas pelas modificações experimentadas pela palavra arte. A evolução da palavra cultura dá testemunho de numerosas reações, importantes e continuadas, a essas alterações de vida social, econômica e política e pode ser encarada, em si mesma, como um especial tipo de roteiro, que permite explorar a natureza dessas Alterações.(WILLIAMS, 1969, p.18)
       Feitas essas considerações acerca do conceito de cultura, podemos aqui apresentar uma definição que engloba de maneira abrangente, aspectos naturais e sociais associados a práticas cotidianas, e produção de sentido, em que a cultura significa “ordem simbólica que exprime o modo pelo qual, homens determinados estabelecem relações determinadas com a natureza, e entre si, e o modo pelo qual interpretam e representam essas relações”. (CHAUÍ, 1988, p.122)
      Numa sociedade que valoriza cada vez mais o acesso à informação e aumenta de forma contínua a exigência pela qualificação, é imprescindível a busca por iniciativas viáveis para a inclusão social de todos no processo de conhecimento. Essa tarefa é papel do Estado, da iniciativa privada e da sociedade como um todo. Nessa linha de raciocínio já se faz necessário ampliar e desmembrar a inclusão social inserindo um novo olhar para as sociedades mais carentes a partir da inclusão cultural.

0 comentários:

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Top WordPress Themes