2leep.com

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Consultoria Administrativa: Dicas de como se preparar para ser um consultor

Consultoria Administrativa: Dicas de como se preparar para ser um consultor.

Marcelo dos Santos Fialho
Especialista em Gestão de Pessoas em Recursos Humanos
(Faculdades Simonsen) ? marc_3332@yahoo.com.br


Palavras-chave: Consultor, Eficaz, Cognição, Diferencial, Stakeholders.

Resumo: A função deste artigo é tentar minimizar o erro praticado por pessoas, que ao escolherem a profissão de Consultor, não procuram se embasar na realidade, mas em impulsos do cotidiano para seguir um caminho que necessita de uma percepção constante dos fatos, para a busca de resoluções de problemas que diariamente lhe são apresentados.

Keywords: The purpose of this paper is to minimize the errors committed by people who choose the profession of the consultant, not seeking to base it in reality, but in everyday impulses to follow a path that requires a constant awareness of the facts, to search for resolutions of problems that are presented daily.

Um consultor "de fato" deve no mínimo ter uma Graduação em área específica e uma Pós-Graduação ou Mestrado coincidentes, para facilitar o entendimento dessa profissão que não só direciona, mas que também tem um intuito de transformar a rotina e a vida do empresário e seus colaboradores. Em algumas vezes, a missão e visão de uma organização tem de ser repensadas quando a transformação se torna muito drástica. Isso remete a uma responsabilidade que pode trazer precedentes bons ou ruins, dependendo de como se tomará essas decisões quando houverem dificuldades a serem ultrapassadas, tanto pela organização quanto pelo consultor.
O primordial para um consultor é o diferencial que ele pode oferecer ao cliente logo no primeiro encontro. Diferencial esse que é dar toda a atenção e escutá-lo. O consultor que sabe ouvir tem uma maior probabilidade de ganhar a confiança e consequentemente fechar um negócio com este empresário. Pessoas têm a necessidade de falar e serem entendidas para que seus anseios sejam postos em prática. Saber atender e entender de modo eficiente e eficaz as necessidades de cada pessoa é a engrenagem principal para se "estar" um consultor.

A consultoria existe para direcionar as vontades abstratas dos empresários em fatos concretos, que de certa forma, se tornam mais perceptíveis aos stakeholders (todos os que têm algum tipo de ligação com a empresa, podendo ser pessoas internas ou externas), durante a transição que se faz necessária quando se começam a mudar a ordem ambiental e estrutural-hieráquica existentes na empresa. A busca por leituras sejam através de livros especializados, revistas ou artigos, assim como participação em seminários, palestras e encontros dos conselhos regionais, colocam o consultor atento à realidade que se transforma a cada dia. Saber lidar com pessoas requer um jogo de cintura que só a experiência pode fazer amadurecer. E a experiência começa com um estágio em alguma empresa, para que haja uma ambientação perceptiva e postural sobre o que é ser um consultor, e como é a funcionabilidade das tomadas as decisões a curtos e longos prazos.
Não esquecendo que um consultor nunca deve ir de primeira na solução que se faz mais plausível, mas ir de segunda ou terceira, para que não se deixem arestas a serem aparadas por um caminho tomado impulsivamente.

0 comentários:

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Top WordPress Themes